sexta-feira, 1 de março de 2013


Uma garotinha de 15 anos, perdida, fragilizada por acontecimentos marcantes. Ela tinha medo do escuro, medo de ficar sozinha, medo de andar de salto. Ela procurou por muito tempo se afastar de tudo e todos, ela quis se recuar em um mundo imaginário, onde ela pudesse escolher a dor como sua melhor amiga. Também, era a única presente ali.
Então, ela começou a sair, e em uma destas saídas conheceu o amor da sua vida. O homem que ela sempre idealizou. Na época ele era uma criança, assim como ela, mas hoje ela olha para ele e vê o homem que ela sempre quis para o pai dos seus filhos.
Ele ensinou a ela muitas coisas, melhor, eles aprenderam muita coisa juntos. Viveram momentos ótimos, fizeram planos, pensavam em filhos, casa, futuro. Mas como tudo tem um fim, ela pisou feio na bola, ele resolveu romper um namoro de 1 ano 5 meses e 28 dias e junto com isto foram os planos que haviam feito pra sempre.
Ela anda fazendo tudo errado, ela liga pedindo ele de volta, ele mais seco do que nunca diz com toda convicção que não irá voltar. Ela está sem esperanças, a única certeza que ela tem é que nenhuma coisa irá tapar este buraco. Então ela se afunda cada vez mais na intenção de que o tempo passe logo. E com ele a dor.

Esta menina pede pra que eu te diga o quanto ela te ama. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta ai!? (: